Gastromed | Hepatologia
 
blank

Hepatologia

A gastroenterologia cuida de todo o sistema digestivo humano. Uma de suas subespecialidades mais conhecidas e importantes é a chamada hepatologia. A hepatologia é um ramo da medicina que estuda a prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças que acometem o fígado, a vesícula, o pâncreas e a árvore biliar. Sendo o fígado o órgão mais afetado por vários fatores, torna-se o foco dos estudos desta especialidade.

O hepatologista, portanto, é o especialista médico responsável por realizar diagnósticos, pedir exames, realizar procedimentos e orientar os pacientes no cuidado do fígado e seus órgãos anexos. Dessa forma, o profissional, pode acompanhar, tratar e medicar pacientes com doenças como, por exemplo, diabetes, doenças tireoidianas, obesidade e distúrbios de coagulação.

No entanto, existem as doenças que acometem diretamente o fígado e precisam ser tratadas, pois muitas delas oferecem até mesmo risco à vida do paciente.

O fígado é responsável por uma série de funções importantíssimas, envolvendo produção de proteínas, desintoxicação, filtragem, sintetização de colesterol, armazenamento de glicose, entre outros. O que significa que muito do que ingerimos passa por esse órgão, que mantém o corpo saudável.

Alguns dos problemas mais comuns no fígado ocorrem justamente por excessos cometidos pelos pacientes. Entre outras doenças comuns tratadas pelo hepatologista estão a cirrose hepática e a esteatose hepática, causadas, respectivamente, pelo consumo excessivo de álcool e gordura. Um estilo de vida saudável busca evitar o abuso dessas coisas já aumenta substancialmente a recuperação do órgão.

Além dessas doenças causadas por abusos, outras condições conhecidas também são especialidades do hepatologista. É ele quem trata todas as formas de hepatite do paciente, além de diagnosticar, oferecer tratamento e orientação em casos de câncer nesse órgão. Fora do fígado, o hepatologista também pode diagnosticar e cuidar de casos de pedras na vesícula – outro problema comum que, se não tratado, pode se tornar grave.

O paciente deve procurar um especialista quando apresentar sinais ou sintomas como, por exemplo, olhos e pele amarelados; Fraqueza; Inchaço abdominal (ascite); Vômitos com sangue ou ainda quando nos exames de rotina detectar alguma alteração das enzimas hepáticas.

O ideal é visitar um médico especialista em hepatologia, quando algum sintoma se manifestar. Entre em contato com a GASTROMED – INSTITUTO ZILBERSTEIN e agende agora uma consulta com nosso especialista.