Cirurgia robótica

A cirurgia robótica é uma nova modalidade tecnológica aplicada em procedimentos minimamente invasivos, que permite ao cirurgião fazer procedimentos manipulando o instrumental com auxílio do Robô. O sistema permite visualização em três dimensões e alta definição, com movimentos precisos e em tempo real.

 

O cirurgião manipula, confortavelmente, os controles mestres com as mãos e os pulsos posicionados de forma natural em relação aos olhos. Então, o sistema traduz imediatamente o movimento das mãos, dos pulsos e dedos de forma precisa.

 

Diferenciais da cirurgia robótica

 

Ao longo dos anos, a cirurgia robótica evoluiu e o robô foi sendo adaptado às necessidades das operações minimamente invasivas. Atualmente, ajuda os cirurgiões a realizar cirurgias minimamente invasivas com suas inúmeras funções e facilidades.

 

Diferente da laparoscopia, também realizada com auxílio de uma câmera, este robô permite que o cirurgião movimente os equipamentos por meio de braços mecânicos em até 360 graus, com maior liberdade e estabilidade. Os principais alvos da cirurgia robótica são procedimentos minimamente invasivos em urologia, cirurgias digestivas e colorretal, ginecológicas e torácicas.

 

Em comparação à cirurgia convencional e à própria laparoscopia, a tecnologia traz grandes avanços. Isso porque antes da cirurgia robótica, os procedimentos eram realizados em uma visão 2D e com instrumentos menos articulados que dificultavam movimentos mais articulados do profissional.

 

Vantagens

 

  • Menos invasiva;
  • Incisões menores;
  • Risco de infecção, sangramento e dor reduzido;
  • Recuperação mais rápida do paciente;
  • Menor tempo de internação;
  • Facilidade de acesso a diversas estruturas do corpo;
  • Maior visão da área a ser tratada.

 

Além disso, a técnica de cirurgia robótica é segura. O robô não faz nada sozinho, pois os movimentos são realizados pelo cirurgião. No entanto, em caso de imprevistos, a tecnologia aciona um comando de segurança que trava a máquina temporariamente, o que evita danos no paciente. Se o médico tirar o rosto da tela de controle, por exemplo, o robô também para de funcionar imediatamente.

Contato